Sábado, 1 de Março de 2008

Águas Frias - Castelo de Monforte

 

Tempos houve em que qualquer inverno trazia à paisagem transmontana em geral e à de Águas Frias, em particular, a alvura que a neve transporta.

O mundo pula e avança, como dizia o poeta, só que, ultimamente, os pulos têm sido de tal ordem que os avanços se cifram em verdadeiros recuos. De facto, com as agressões que, sistematicamente, vamos fazendo ao ambiente, o clima tem sofrido transformações de tal ordem que vão colocando emperigo real a vida do e no Planeta.

É justamente por isso que os resistentes que ainda se vão mantendo pelas nossas aldeias já nem sequer se atrevem a manter determinadas culturas. A neve que outrora cobria os campos e a própria aldeia não só inebriava a garotada como era o fermento que todos os anos se esperava. Como o povo gostava de dizer, ela matava a bicharada, exactamente aquela que dava cabo das culturas, mas também era o alimento para os nascentes que, no verão, se tornavam indispensáveis, quer para encher os poços com que se regava quer mesmo para ter acesso à água pura com que as pessoas se dessedentavam.

Bom, mas mesmo assim, sempre vai havendo um ano ou outro em que o tempo, embora em quantidade incomparavelmente menor, nos brinda com uma nevadazita. Como a que aconteceu há dois ou três anos - não consigo, de momento precisar - e que deu este belo aspecto ao nosso belo Castelo de Monforte de Rio Livre.

sinto-me:
tags:
publicado por riolivre às 23:02
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De ÁguasFrias a 2 de Março de 2008 às 23:26
Pois é, caro Tino, nada parece ser o que era.
Até as condições climatéricas mudaram.
Afinal tudo muda. Não dei se para a frente ou para trás.
Um abração
Mário Silva
De joaotanasoliveira a 3 de Março de 2008 às 22:57
Caro Tino, eu que sou um jovem, ainda me lembro dos velhos tempos em que quando caia uma nevada iamos com sacos das vindimas deslizar para a Costa. Nessa altura ainda o Manel Guicho era vivo. Também realizavamos uma batalha entre o povo e o souto, onde os misseis eram as bolas de neve, enfim como mencionaste no post, além do bem que trazia para as terras e para os nascentes ainda servia para que a rapaziada se divertisse a brava.
Hoje em dia quando esta um dia mais frio e seco, os mais velhos dizem " esta tempo de neve vai cair uma nevada", só que esta cai mas não por estas bandas.
1 abraço do João
De Fer.Ribeiro a 23 de Março de 2008 às 02:51
Boa Páscoa para o meu antigo prof. das geografias!

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. TEMOS UMA ESCRITORA

. NATAL 2015

. POR TERRAS DE MONFORTE

. O CASTELO, SEMPRE!

. O CASTELO FOTOGRAFADO PEL...

. XXIII ENCONTRO DE BLOGUES...

. JÁ NÃO HÁ ENTRUDO

. ...

. APONTAMENTO

. XXII ENCONTRO DE FOTÓGRAF...

.arquivos

. Março 2016

. Dezembro 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Maio 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Agosto 2013

. Junho 2013

. Março 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Novembro 2011

. Julho 2011

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

.links

.on line

online

.rádio

blogs SAPO

.subscrever feeds